Leitura da Bolsa 27.02.2019

Leitura da Bolsa 27.02.2019

Reunião entre Trump e Kim no Vietnã

O presidente Donald Trump e o líder norte-coreano Kim Jong Un começarão sua segunda reunião em menos de um ano quando se encontrarem na capital vietnamita, com o lado americano buscando medidas concretas da Coreia do Norte para desmantelar seu programa de armas nucleares.
A Casa Branca disse que Trump se encontrará com Kim no hotel da era colonial francesa, o Metropole de Hanói e terá uma conversa cara-a-cara de 20 minutos antes de um jantar programado para durar pouco mais de uma hora e meia.
Antes do encontro dos dois líderes, Trump tuítou que a Coreia do Norte poderia ser tão “próspera” quanto o Vietnã se fosse desnuclearizada, acrescentando que o potencial é “impressionante”.

Futuros indicam abertura em baixa.

O mercado futuro dos EUA apontava para uma abertura em baixa, com os investidores aguardando a reunião entre o presidente Trump e Kim Jong-un e, outro dia de depoimento de Jerome Powell.
O índice blue chip futuros do Dow caía 75 pontos, ou cerca de 0,3%, os futuros do S&P 500 perdiam 7 pontos, ou aproximadamente 0,2%, enquanto o índice futuro de tecnologia Nasdaq 100 indicava um declínio de 16 pontos, ou cerca de 0,2%.
Com relação a balanços, a Lowe’s, Best Buy, TJX (NYSE: TJX), Campbell Soup, Square (NYSE:SQ), Fitbit, Box, e Booking (NASDAQ:BKNG) Holdings estão entre as principais empresas que deverão apresentar seus mais recentes números trimestrais.
Já na Europa, as bolsas estavam em baixa, tirando uma sequência de três dias de vitórias, com todas as bolsas continentais no vermelho. O FTSE 100 de Londres estava em baixa de 0,8%.
Mais cedo, bolsas asiáticas fecharam sem direção definida, já que o sentimento foi abalado por crescentes tensões entre a Índia e o Paquistão, que têm armas nucleares.

Relatório semanal de estoques de petróleo da EIA

Nos mercados de commodities, a a Administração de Informação de Energia dos EUA (EIA, na sigla em inglês), divulgará seu relatório semanal oficial de oferta de petróleo referente à semana encerrada em 22 de fevereiro às 12h30.
Analistas esperam que o EIA relate um ganho de cerca de 2,8 milhões de barris no fornecimento de petróleo. Se confirmado, seria a sexta subida semanal consecutiva nos estoques nacionais de petróleo.
Contratos futuros do petróleo Bruto West Texas subiram 68 centavos, ou 1,2%, a US$ 56,18 por barril.
Os contratos futuros do petróleo Brent estavam cotados a US$ 65,88 por barril, um aumento de 51 centavos, ou 0,7%.

Powell de volta ao Capitólio

Investidores aguardam uma segunda aparição do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, depois que comentários feitos na terça-feira reforçaram as opiniões de que o banco central mudou para uma abordagem mais “paciente” da política monetária.
Ele deve depor em perante à Comissão de Serviços Financeiros da Câmara às 12h00.
Em seu primeiro dia de depoimento ao Comitê Bancário do Senado na terça-feira, Powell descreveu a perspectiva econômica americana como “geralmente favorável”, mas que enfrenta desafios do exterior.
Além do Powell, também há dados sobre vendas pendentes de imóveis e encomendas para as fábricas em dezembro, ambos programados para 12h00.
O índice Dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, estava pouco alterado perto do seu nível mais baixo desde o início de fevereiro com 95,85 às 7h40.

Fonte:
investing.com